Fundação Macau | Universidade da Cidade de Macau no topo da lista de apoios

A publicação dos apoios prestados pela Fundação Macau revela que a Fundação da Universidade da Cidade de Macau recebeu 45 milhões de patacas, para custear estudos e publicações académicas, assim como financiar equipamentos e subsídios a estudantes. Esta verba representa mais de 10 por cento do bolo total que ascende a mais de 337 milhões de patacas. O montante atribuído à Universidade da Cidade de Macau é referente à segunda prestação do ano lectivo 2016/2017 e à última prestação do ano lectivo de 2014/2015.

Outro dos habituais grandes contemplado pelos apoios da Fundação Macau é a Associação de Beneficência do Hospital Kiang Wu, que conseguiu uma verba de 11 milhões de patacas para aquisição de equipamentos clínicos e informáticos e obras de remodelação do hospital.

O Centro de Estudos Permanentes Pós-laboral foi financiado em 4,8 milhões de patacas para pagar o plano anual de 2017 do iCentre.

No capítulo das associações, a FAOM recebeu uma verba de 20 milhões de patacas referente ao plano anual deste ano para financiar as 26 instituições e 47 filiais dos operários. Aos Kaifong foram atribuídas 16 milhões patacas, enquanto a Aliança de Povo de Instituição de Macau recebeu 21 milhões de patacas. À Associação Geral dos Conterrâneos de Fukien de Macau foram atribuídas 10 milhões de patacas para custear as despesas do plano de actividades deste ano. Enquanto que à Associação Geral das Mulheres de Macau foram entregues 12 milhões de patacas.

A Fundação da Escola Portuguesa de Macau recebeu 10 milhões de patacas para financiar o presente ano lectivo. Já a ANIMA recebeu 1,75 milhões de patacas. À APOMAC foram atribuídos 2,025 milhões de patacas.

Subscrever
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários