MGM | “Summer Hype” mistura arte, cultura e retalho na Barra

Chama-se “Summer Hype” e é o nome dado à nova série de eventos realizados na zona da Barra este mês, promovidos pela concessionária de jogo MGM. A arte e cultura são os convidados para criar nesta zona da península, junto ao templo de A-Má, um “distrito vibrante”. Para já, pode ser vista a instalação artística “BERTILO Drifts in Barra” e uma exposição para crianças oriunda do Centro Georges Pompidou

 

Foi lançada, na sexta-feira, mais uma iniciativa cultural que pretende aliar o empreendedorismo, arte e cultura locais aos bairros históricos de Macau. A iniciativa “Summer Hype” agrega uma série de actividades culturais a fim de revitalizar a zona da Barra junto ao templo de A-Má, uma das mais visitadas pelos turistas e também um dos espaços históricos mais tradicionais de Macau.

Segundo um comunicado da MGM, com a iniciativa “Summer Hype” pretende-se estabelecer uma sinergia com pequenas e médias empresas (PME) locais e “parceiros criativos”, transformando, assim, a zona da Barra “num centro vibrante repleto de actividades artísticas, de lazer e de comércio”.

Destaque para a exibição, durante este mês, da instalação de arte pública com um insuflável cor-de-rosa intitulada “BERTILO Drifts in Barra”, que pode ser vista junto ao Museu Marítimo. Associados a esta instalação, estarão disponíveis na zona da Barra várias tendas com comidas e bebidas com o tema cor-de-rosa, nomeadamente gelados, bolos e outras iguarias, disponibilizados por empresas locais.

Ainda este mês, será inaugurada a exposição “Mundo de Arte Fantástica do Centre Pompidou: Os Plantamouves”, no antigo Matadouro da Barra, recentemente revitalizado. Trata-se de uma colaboração entre a operadora de jogo, o Instituto Cultural e o Centro Georges Pompidou, em França.

Segundo uma nota do MGM, esta exposição foi “especialmente concebida para crianças”, permitindo que estas, juntamente com os pais, criem “uma instalação de arte gigante vibrante utilizando luz, cor e linhas”.

A mostra pretende ser “um espaço criativo que serve não só como um parque infantil, mas também como uma plataforma educacional interactiva para estimular o potencial artístico das crianças”.

Destaque ainda para a organização, juntamente com a Associação de Ilustradores de Macau, do “Concurso de Design de Identidade Visual da Zona da Barra”, pretendendo-se “criar um sistema único de símbolos visuais para o bairro da Barra” através da “co-criação criativa da comunidade”. O concurso “visa revitalizar a história marítima e o património industrial da zona”.

Expectativas de futuro

Leong Wai Man, presidente do Instituto Cultural (IC), afirmou, no sábado, esperar que esta iniciativa conjunta dê uma nova vida à zona da Barra. “No passado os projectos de revitalização envolviam sobretudo o Governo e os proprietários. Agora, com o envolvimento da MGM e de uma variedade de PME, a revitalização da zona da Barra atingiu uma nova dimensão, permitindo uma cooperação mais aprofundada e modelos inovadores.”

A presidente do IC destacou que, apesar da zona da Barra ser histórica, pode atrair “muitas possibilidades no futuro e acolher uma série de projectos criativos”. “Acredito que a futura revitalização deste espaço pode combinar elementos históricos e culturais com a injecção de elementos inovadores, conduzindo gradualmente esta zona para uma nova fase de vitalidade”, acrescentou.

O cartaz de eventos do “Summer Hype” inclui ainda, em Agosto, a exposição de ilustração “Matsui’s – The Dog Exhibition”, organizada em parceria com a marca local “THE BIG APPLE”, que comemora em 2024 dez anos de existência no mercado da moda e do retalho. Assim sendo, apresenta-se, pela primeira vez em Macau, os trabalhos de Matsui, artista japonês. A zona da Barra terá ainda outros espaços temáticos em consonância com esta exposição.

Subscrever
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários