Milhões de deslocações marcaram o Dia Nacional

A China celebrou no domingo o seu Dia Nacional, em que se comemorou o 68.º aniversário da fundação da República Popular, com milhões de deslocações que marcam o início da chamada ‘Semana Dourada’ de feriados. A Administração Nacional de Turismo da China estima que, ao longo destes oito dias de festividades, se registem cerca de 710 milhões de deslocações, mais 10% do que em 2016.

Segundo os cálculos do organismo, os cidadãos da segunda economia mundial vão gastar nestes dias 90.000 milhões de dólares, o que representa mais 12% do que no mesmo período do ano passado.

As vias de saída das principais cidades entraram em colapso no início do fim de semana e há vários dias que estão esgotados os bilhetes de comboio e autocarros para os trajetos mais populares dentro do território nacional: Pequim, Xangai e Hangzhou. Fora da China, os destinos favoritos são Tailândia, Singapura e Japão.

O Ministério dos Transportes calcula que durante esta semana se registem 560 milhões de deslocações por estrada, 70 milhões por dia, o que fará aumentar o trânsito em 10% em relação a 2016.

As deslocações por via fluvial ou marítima também devem aumentar 5%, chegando a 16 milhões. Já as deslocações por comboio devem superar as 150 milhões.

Um dos maiores atrativos das celebrações do Dia Nacional aconteceu na capital com a cerimónia do içar da bandeira, que todos os dias acontece na praça de Tiananmen, mas que domingo reuniu mais de 15 mil pessoas.

Subscrever
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários