Grande Prémio Internacional de Kart de Macau teve vitória francesa

O francês de 17 anos Tom Leuillet (chassis / motor / pneus – Sodi / TM Racing / MG) venceu a prova rainha da edição deste ano do Grande Prémio Internacional de Kart de Macau. O piloto gaulês, que na caminhada para o triunfo venceu as mangas de qualificação e a pré-final, levou para casa o troféu Campeonato CIK FIA Ásia-Pacífico KZ de 2016, ao bater na final de 25 voltas ao Kartódromo de Coloane, com uma margem confortável de quatro segundos, o espanhol Jorge Pescador (Praga / TM Racing / MG). O australiano Joshua Fife (Ricciardo Kart / TM Racing / MG) completou o pódio de uma prova que contou com vinte e sete dos vinte e oito inscritos. Porém, o piloto australiano seria penalizado por irregularidades na frente do seu Karting, o que lhe valeu uma penalização de 10 segundos, caindo para sexto. O monegasco Louis Prette (Sodi / TM Racing / MG) foi promovido à terceira posição.

O português de 16 anos Yohan Azedo Sousa (CRG / TM Racing), que fez a sua estreia em Macau e ao mesmo tempo na categoria KZ, onde se inserem os karts mais rápidos e equipados com caixa de velocidades, terminou no sexto posto, acabando por ser promovido a quinto com a penalização de Fife. Sousa esteve em destaque nas mangas de qualificação, ao ser o segundo melhor e até foi o mais rápido no Warm-Up de domingo. Contudo, na pré-final, o único representante luso caiu para quinto, perdendo depois na finalíssima mais uma posição que recuperaria na secretaria.

Os da casa

O melhor dos pilotos de Macau acabou por ser Charles Leong Hon Chio (Tony Kart / Vortex / MG) que terminou na 14ª posição, apesar de ter realizado a participação neste evento ainda limitado por um braço magoado. Porém, como houve mais concorrentes penalizados por irregularidades técnicas, o piloto de 15 anos da RAEM acabou classificado no 10º lugar. Obviamente satisfeito por ser o melhor representante do território, Leong admitiu que melhor seria difícil, pois o “seu karting tinha um motor normal, enquanto os concorrentes mais rápidos alugaram motores de fábrica à TM Racing”.

Andy Chang Wing Chung (CRG / TM Racing / MG) que poderia ter terminado numa posição do “Top-10”, abandonou à quinta volta devido a um toque, enquanto João Afonso (Parolin / TM Racing / MG) foi um dos primeiros a desistir, ainda a corrida ia no seu início.

A edição deste ano da prova foi novamente organizada pela Associação Geral de Automóvel de Macau-China (AAMC), com o apoio do Instituto do Desporto e da Direcção dos Serviços de Turismo, e tutelada pela Comissão Internacional de Kart da Federação Internacional de Automobilismo (CIK-FIA).

Subscrever
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários