PARTILHAR

Winnie Fok, esposa do Chefe do Executivo, Chui Sai On, disse ontem que não interferiu no caso de realojamento dos galgos do Canídromo. A esposa do Chefe do Executivo esclareceu este assunto na sequência da divulgação de informações que apontaram a existência de uma relação estreita entre Winnie Fok e a ANIMA, presidida por Albano Martins, o que terá influenciado o futuro dos galgos. De acordo com o jornal Ou Mun, Winnie Fok confessou que adoptou um cão da ANIMA, mas nunca contactou qualquer indivíduo da associação e nada disse sobre o futuro dos galgos do Canídromo. “Não sou membro do Governo. Por isso, não vou interferir nos seus trabalhos. A informação é falsa. Não sei de onde vem esta informação e não conheço a razão. Na verdade, acho que não conseguiria fazer nada disso [interferir no processo do Canídromo]”, adiantou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here