PARTILHAR
Com o triunfo de ontem diante dos norte-coreanos do Hwaepul, as águias encerraram a participação na competição continental com quatro vitórias em seis partidas. O matador Carlos Leonel foi o melhor jogador em campo e apontou todos os golos

 

A partida de despedida do Benfica de Macau na histórica participação na Taça AFC terminou com mais uma vitória, desta feita diante do Hwaepul por 3-0, no Estádio de Macau. Em mais uma noite de magia de Carlos Leonel, que marcou os três golos dos encarnados, as águias confirmaram o segundo lugar do Grupo I, com quatro vitórias em seis jogos.

Diante de 300 pessoas, a formação de Bernardo Tavares entrou em campo no esquema habitual de 4-4-2, com Batista na baliza, Chan Man, Vítor Almeida, Gilchrist e Lei Chi Kin na defesa; Hugo Silva, Edgar Teixeira, Cuco e Tetteh no meio-campo, e a dupla atacante a ser constituída por Nikki e mais à frente o goleador Carlos Leonel.

No lançamento do encontro, o técnico português tinha afirmado que o Benfica de Macau já não eram visto como um clube “coitadinho” do futebol asiático, e a equipa não perdeu tempo a dar razão ao treinador. Apesar de um equilíbrio inicial entre as duas formações, as águias mostraram-se superiores e mais objectivas na altura de atacar. Mesmo quando em certos momentos perderam bolas no meio-campo, que facilmente poderiam criar problemas junto à sua baliza.

Com os ataques longe de terem o melhor seguimento em ambos os lados, a oportunidade de golo mais evidente só surgiu aos 40 minutos. Após a marcação de um livre por Edgar Teixeira, Tetteh surge isolado à frente da baliza, mas cabeceia por cima.

Se Tetteh revelou falta de pontaria, Carlos Leonel não cometeu o mesmo erro, dois minutos depois. Após um cruzamento na área de Tetteh, a redimir-se, o avançado cabeceou sem levantar os pés para o 1-0, já dentro da pequena área.

Aos intervalo, as águias justificavam em pleno a vantagem, contra uma equipa norte-coreana com muita vontade, mas longe em termos de qualidade do Benfica.

Instinto matador

No segundo tempo, as equipas subiram ao relvado sem alterações nos onzes titulares, mas o Hwaepul encostou nos primeiros minutos o Benfica à defensiva e conseguiu três pontapés de canto seguidos.

Aos 55 minutos, numa fase em que o Benfica tinha aliviado um pouco a pressão, o Hwaepul esteve mesmo muito perto de marcar, com Choe Kwang Jin a rematar, isolado. Contudo, Batista fez a defesa da noite, ao sair para fazer a mancha aos pés do adversário.

Apesar de ter feito o primeiro remate à baliza na segunda parte apenas aos 62 minutos, a oportunidade não foi desperdiçada e o Benfica matou o jogo. O primeiro remate deu origem a um canto, batido por Hugo Silva, que cruzou ao segundo poste. Mais uma vez, Carlos Leonel surgiu a cabecear e fez o 2-0, apesar de um defesa norte-coreano ainda ter tentado aliviar a bola em cima da linha de golo.

O Benfica voltou a marcar novamente antes do fim da partida, quando, aos 81 minutos, Pang Chi Hang é derrubado na área depois de uma boa arrancada e o árbitro marca penálti. Na marcação, Carlos Leonel rematou colocado e fez o 3-0.

Até ao final, o encontro não sofreu alterações no marcador e partida acabou com o triunfo encarnado.

 

 

Bernardo Tavares: Milagre merecido

No final do encontro, o treinador do Benfica de Macau mostrou-se orgulhoso com os 12 pontos alcançados em 18 possíveis. Por essa razão, Bernardo Tavares afirmou que as pessoas de Macau deviam sentir-se orgulhosas do clube.

“Doze pontos nestas condições que temos, num grupo da Taça da AFC, é uma marca histórica. Foi um momento histórico e Macau devia olhar para estes rapazes de outra maneira”, disse o técnico.

“Agora, há todo um crédito diferente do Benfica de Macau e as pessoas já falam do clube de outra maneira. Não digo que seja um milagre, porque foi tudo merecido, mas o facto de disputarmos o segundo lugar do grupo desta maneira e de termos ganho por 3-0 é muito positivo”, acrescentou.

Em relação à partida, o treinador considerou que o resultado está longe de espelhar a diferença entre as duas formações e que o desafio só foi tornado fácil devido à qualidade da exibição dos seus atletas.

“Foi um jogo contra uma equipa complicada em que olhamos para o resultado e parece que foi fácil. Só que foi um jogo complicado, que os jogadores tornaram fácil. O posicionamento sem bola foi quase excelente”, defendeu.

“Na segunda parte, o golo foi muito importante, porque eles entraram de forma muito pressionante e com vários cantos”, frisou.

 

Carlos Leonel: Momento para celebrar

Com mais três golos ontem, Carlos Leonel somou um total de sete tentos ao longo dos seis jogos da competição. No final, mostrou-se muito satisfeito a nível pessoal, mas preferiu dar o mérito à equipa e ao clube. “Sinto-me muito feliz pela minha participação na AFC mas estou mais feliz pelo que fizemos em equipa e pelas pessoas que investiram não só em mim mas neste projecto. Estou orgulhoso por saber que faço parte de um projecto que começou há oito anos e que atingiu este ponto. Todas as pessoas que estão no futebol de Macau devem estar orgulhosas pelo que foi conseguido. Parece um milagre mas é fruto de muito trabalho”, frisou.

Ao mesmo tempo, o avançado admitiu que a prestação do Benfica de Macau deve ser uma inspiração para os jovens que gostam de futebol, mas que consideram que no território não vale a pena apostar na modalidade: “Hoje [ontem] é um dia para celebrar e sair com um sorriso na cara. Escrevemos uma página muito bonita no futebol de Macau”, considerou.

 

Mun Ho Il: Talvez outro dia

“Hoje não foi o nosso dia. Se tivéssemos outra oportunidade, num jogo diferente do de hoje, acredito que poderíamos ter um resultado diferente”, afirmou Mun Ho Il, treinador do Hwaepul. O técnico norte-coreano admitiu igualmente que a equipa teve dificuldades para se adaptar ao tempo de Macau e às condições do relvado natural, uma vez que os coreanos estão acostumados à relva artificial.

 

Grupo I – Classificação Final
Posição Clube Pontos Jogos Vitórias Empates Derrotas
1.º 25 de Abril 18 6 6 0 0
2.º Benfica de Macau 12 6 4 0 2
3.º Hwaepul 6 6 2 0 4
4.º Hang Yuen 0 6 0 0 6

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here