PARTILHAR

Inaugura hoje e está patente até dia 26 de Maio a exposição de pintura chinesa “Visualização de um Pintor Embriagado”. A mostra, da autoria de Van Keng Vai, está integrada no Projecto de Promoção de Artistas de Macau e patente no Centro UNESCO de Macau.
A exposição reúne cerca de 60 obras de pintura chinesa deste pintor, um artista de Macau. Van Keng Vai nasceu em 1942 e graduou-se no Colégio Diocesano de São José e na Universidade Yuet Hoi. Desde a infância que mostra ter um gosto especial por Belas Artes, nomeadamente por pintura chinesa e cerâmica.
Começou a sua formação em Belas Artes com Chiu Meng San na década de 50. No ano de 1993, um dos seus trabalhos venceu o 3.º prémio no Concurso de Design de Bandeira e Emblema Regionais da RAEM e em 2005 foi inaugurada uma exposição individual do artista na Galeria Milénio de Macau. As suas obras são muitas vezes seleccionadas, tanto para a Exposição Anual de Arte Visual do Instituto Cultural, como para a Exposição Colectiva de Caligrafia e Pintura de Macau organizada pelo Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais de Macau.
Hoje em dia, Van Keng Vai trabalha na área de administração de empresas, desempenhando ainda várias cargos em instituições sociais como o de Vice-Presidente do Instituto Mundial de Caligrafia e Pintura da Família Yin, Director da Associação Cultural e Arte de Chong Fong, Vice-Presidente da Associação de Amadores de Arte de Macau, membro da Associação dos Artistas de Belas-Artes de Macau. É também formador do Curso de Pintura Chinesa do iCentre do Centro Amador de Estudos Permanentes de Macau e do Curso de Pintura Chinesa do Centro de Actividades da Ilha da Taipa da Federação das Associações dos Operários.
Com organização da Fundação Macau, a exposição estará patente ao público entre 19 e 26 de Maio, todos os dias das 10h00 às 19h00 e no último dia até às 15h00. Tem entrada livre.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here