PARTILHAR

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu quase dez quilos de cocaína na última semana. O caso mais recente, ocorrido a 5 de Abril, levou à detenção de um cidadão colombiano. O homem foi detido no Aeroporto Internacional de Macau, depois de ter viajado num voo de Banguecoque para Macau. Em sete sacos, o colombiano transportava 4.337,14 gramas de cocaína, num valor de mercado de cerca de 13 milhões de patacas.
O suspeito admitiu ter sido contratado por uma rede de tráfico de droga internacional e disse que tinha ido ao Brasil da Colômbia para levantar droga, tendo depois viajado com a mercadoria num voo de Dubai para Banguecoque e dali para Macau, sendo que iria sair para outra região vizinha. O homem acabou detido preventivamente.
Com a cooperação das regiões vizinhas, a PJ detectou, “em quatro dias”, mais dois casos de narcotráfico e deteve dois outros indivíduos. No dia 30 de Março, uma mulher do Quénia foi apanhada com 92 invólucros que continham 1.322,11 gramas de cocaína, avaliados em quatro milhões de patacas. A mulher admitiu ter recebido 800 dólares americanos de uma organização criminosa. No dia 2 de Abril, foi a vez de um homem malaio ser interceptado com 3.580,52 gramas de cocaína, num valor de cerca de 11 milhões de patacas. Também estes dois cidadãos foram presos preventivamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here