PARTILHAR

O Chefe do Executivo disse ontem que a legislação imposta nem sempre é sinónimo de qualidade nos serviços de saúde. Em resposta à deputada Kwan Tsui Hang, que se questionava acerca da reforma destes, Chui Sai On disse que um dos maiores problemas reside na falta de recursos físicos e humanos. “As leis não conseguem garantir que os serviços oferecidos sejam de grande qualidade”, disse. Sobre o Hospital das Ilhas, adiantou que o projecto deste poderá estar pronto ainda em meados deste mês. “Creio que o ponto de situação é que em meados de Agosto já penso que já se vai poder ter o design concluído e depois o concurso público e vai-se entrar, de seguida, numa fase de formação (…) como temos mais instalações físicas, também temos que contar com mais pessoal”, acrescentou ontem, durante uma sessão de perguntas e respostas na AL. Quanto à criação de uma Faculdade de Medicina, o dirigente afastou a possibilidade de tal vir a acontecer em breve, referindo que é preciso o apoio da China para o efeito. “Precisamos do Governo Central para isso e se calhar ainda temos que percorrer um longo caminho para termos uma Faculdade de Medicina em Macau, mas o mais premente é resolver questões de instalações físicas, quadros e qualidade”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here