PARTILHAR

O Chefe do Executivo disse ontem que embora o Governo esteja disponível e aberto para ajudar as empresas e o sector de convenções e exposições a internacionalizar-se, este deverá, logo que possível, tornar-se financeiramente independente. No entanto, Chui Sai On nunca descartou a necessidade do sector precisar da ajuda do Governo, tanto logística como materialmente. “Esperamos que o Governo possa apoiar concursos em grandes convenções e exposições para os operadores poderem ter lucros (…) passado algum tempo, já se deve entrar no apoio ao concurso nessas reuniões ou eventos, mas sendo os próprios operadores a assumir os seus encargos”, revelou ontem na AL, em resposta ao deputado Chan Meng Kam. Além disso, disse ainda que só em 2014 foram organizados 1552 projectos de convenções, notando o investimento que tem sido feito pelo Executivo, que “tem que injectar muitos recursos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here