PARTILHAR

No dia em que investidores na empresa de junkets Dore entregou nova petição junto da Direcção dos Serviços de Finanças (DSF) a pedir apoio ao Governo, a Rádio Macau avançou que já 45 queixas sobre o caso foram entregues na Polícia Judiciária (PJ), as quais envolvem 500 milhões de dólares de Hong Kong investidos.
A Rádio Macau avança ainda que o total do dinheiro a recuperar será de 700 milhões de dólares de Hong Kong, sendo que mais de 80 pessoas terão saído prejudicadas. Cerca de dez investidores entregaram ontem a petição na DSF e um dos participantes confirmou à Rádio Macau que um advogado já está a tratar do caso.
Para ontem estava também prevista uma manifestação junto do Gabinete de Ligação do Governo Central em Macau, com partida do casino Wynn, mas segundo o canal chinês da Rádio Macau a mesma foi cancelada por ter sido negada a sua autorização pela PSP. Um dos participantes explicou que o pedido ao Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais (IACM) foi feito “com demasiada pressa”, mas garantiu que “a luta não vai parar por aqui”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here