Saúde | Escarlatina, enterovírus e varicela com grandes aumentos anuais

Durante o mês de Abril, os Serviços de Saúde (SS) registaram 239 casos de escarlatina, “uma subida significativa em comparação com o mês homólogo do ano passado”, quando os casos eram apenas três. A estatística consta dos dados sobre doenças de declaração obrigatória de Abril deste ano.

A escarlatina, uma doença que afecta sobretudo crianças, não foi a única patologia a registar aumentos consideráveis de casos. As infecções por enterovírus totalizaram 332 casos em Abril, o quadruplo dos casos registados no mesmo mês do ano passado (83 casos), e quase o triplo em relação a Março deste ano (121 casos).

A varicela também mais que duplicou em termos anuais, com 32 casos registados em Abril face a 14 casos no período homólogo, e um aumento de 60 por cento quando comparado com o mês anterior, quando os SS contaram 20 casos de varicela. Também a tuberculose registou um aumento anual de 82,4 por cento, passando de 17 casos em 2023 para 31 casos no mês passado.

Em Abril, foram ainda registados dois casos assintomáticos de infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (VIH), três casos de legionella, e um de tosse convulsa.

Por outro lado, as infecções por norovírus e gripe diminuíram em termos anuais, apesar de a influenza ter aumentado 33,9 por cento face a Março. Em termos globais, os SS registaram em Abril 2.649 situações em que foram efectuadas a declaração obrigatória.

Subscrever
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários