Nadadores-salvadores | Empresa advertida para cumprir responsabilidades

Osecretário para os Assuntos Sociais, Alexis Tam, afirmou ter exigido à empresa à qual foram adjudicados os serviços de nadadores-salvadores que cumpra as suas responsabilidades contratuais sob pena de o Instituto do Desporto (ID) iniciar procedimentos legais. Uma disputa entre as partes patronal e laboral obrigou, no mês passado, ao encerramento de duas piscinas públicas, depois de 24 nadadores-salvadores, dos quais 23 não-residentes, se terem recusado a trabalhar devido à falta de condições laborais, como a ausência de gozo de uma folga semanal desde Março. No sábado, à margem de um evento público, Alexis Tam, afirmou ter dado instruções ao ID para agilizar a resolução da actual situação, nomeadamente através da aquisição temporária de serviços de nadadores-salvadores, para que as piscinas retomem o funcionamento normal com a maior brevidade. A Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais recebeu, desde 17 de Agosto, três queixas que estão a ser acompanhadas, envolvendo 27 funcionários.

 

Subscrever
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários