PARTILHAR

Os próximos dias 9 e 10 de Junho vão ser assinalados com um programa de divulgação do património intangível de Macau. “Dia do Património Cultural e Natural da China” é a iniciativa promovida pelo Instituto Cultural (IC) que vai ter lugar na Casa do Mandarim e no Largo do Lilau, com o objectivo de “promover um ambiente propício à salvaguarda do património, bem como de elevar o conhecimento do público sobre os itens do património cultural intangível local”, refere o comunicado oficial.

De acordo com a organização, o evento apresenta um leque variado de actividades, incluindo cabines de jogos, exposições, palestras temáticas, workshops e actuações apresentadas por diversas organizações. No cartaz do evento destaca-se a Ópera Cantonense, Dança do Dragão Embriagado, Naamyam Cantonense (canções narrativas), música ritual taoista, entre outros.

Serão ainda organizadas palestras, sendo que a organização destaca a conversa “Panorama do Património Cultural Intangível de Macau”, a cargo do professor associado do Centro de Estudos das Culturas Sino-Ocidentais do Instituto Politécnico de Macau, Lam Fat Iam. “Crenças e Costumes de Na Tcha”, é o momento que vai contar com a participação de Chiang Kun Kuong e Ip Tat. O bambu também vai ser abordado com o workshop “Arte dos Andaimes de Bambu”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here