PARTILHAR

O deputado Chan Meng Kam entregou uma interpelação escrita ao Governo onde afirma estar preocupado com a falta de fiscalização na cobrança de propinas por parte das creches subsidiadas pelo Governo. Chan Meng Kam defende que as propinas são elevadas e que tal não é aceitável, tendo em conta que muitas das famílias estão numa situação financeira vulnerável e estas instituições recebem dinheiro do Executivo.
O deputado aponta que actualmente existem 49 creches em Macau, sendo que 33 são subsidiadas periodicamente pelo Governo. O Executivo tem aumentado os apoios financeiros, mas existem residentes que referiram que a cobrança de propinas destas creches subsidiadas aumenta todos os anos, sobretudo nas privadas, que também recebem dinheiro do Governo. Segundo o deputado, as propinas mensais podem atingir as seis mil patacas.
Chan Meng Kam acredita que esse cenário pode levar a que muitas crianças fiquem em casa, esperando que o Governo tome medidas de apoio. “Há muitos que ironizam e afirmam que o custo de estudar numa creche privada é superior ao de estudar numa universidade. É inconcebível. O Governo tem fiscalizado o lado racional deste aumento? Como é que creches sem fins lucrativos cobram elevados montantes?”, questionou.
O deputado pretende saber se o Governo vai criar um tipo de subsídio para diminuir a pressão das famílias de baixos rendimentos que têm crianças a cargo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here