PARTILHAR

Adeputada Wong Kit Cheng quer que o Governo mostre mais detalhes sobre as medidas de austeridade planeadas. A deputada quer saber quais as metas para as poupanças das despesas públicas, mas não só.
Numa interpelação escrita, Wong Kit Cheng pede que o Executivo crie um regime que regulamente a proporção de recursos financeiros que cada serviço público recebe. Depois do Governo ter anunciado uma primeira fase de medidas de “austeridade” assim que as receitas dos casinos desceram até aos 18,6 mil milhões de patacas e de prometer que poderá vir a acontecer uma segunda fase de cortes, a deputada questiona: “não será necessário o Governo implementar já uma próxima meta de alerta económico, bem como um mecanismo mais rigoroso para enfrentar as receitas menores, caso as receitas continuem a descer, devido ao actual ambiente económico tanto local como na China continental?”
A deputada quer que o Governo não se ficasse apenas pela implementação destas chamadas medidas de austeridade, mas quer também que o Executivo determine um regime que regulamente logo de início a proporção de atribuição de recursos aos serviços públicos, consoante as receitas arrecadas. 
“Visando a possibilidade da queda das receitas de Jogo ser contínua, se o Governo implementar uma meta de poupança de despesas dos serviços públicos e supervisionar as desnecessárias, tais como as festas, obras e lembranças pode ser que o cofre público seja utilizado de forma mais adequada”.
  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here