PARTILHAR

A Rússia e a China estão desde sexta-feira em exercícios militares conjuntos no mar do Japão, anunciou fonte oficial das forças armadas russas, em comunicado citado pela agência France Presse (AFP).
Os exercícios, ao largo da cidade russa de Vladivostok, deverão desenrolar-se até 28 de Agosto e vão envolver 22 embarcações, 20 aeronaves e mais de 500 fuzileiros navais dos dois países.
Moscovo e Pequim têm intensificado a cooperação militar, política e económica, e os Presidentes dos dois países mantêm conversações diplomáticas frequentemente.
Em Maio, as duas potências militares realizaram os seus primeiros exercícios navais conjuntos em águas europeias, no Mar Negro e no Mediterrâneo, no que foi para a China o exercício naval mais distante das suas águas territoriais até hoje.
Os dois Estados são membros permanentes do Conselho de Segurança das Nações Unidas, tomando frequentemente posições semelhantes em assuntos fracturantes, como a guerra na Síria.
As águas do Golfo de Pedro o Grande, a sul de Vladivostok, estão perto da zona onde as fronteiras da Rússia, China e Coreia do Norte se cruzam.
Tanto a China como o Japão reclamam o controlo de ilhas no mar da China Oriental, a sul do mar do Japão, controladas actualmente pelas forças nipónicas, embora os dois lados tenham feito esforços para arrefecer as tensões com diálogos diplomáticos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here