PARTILHAR
Chan Wai Kwong, fotógrafo de Hong Kong, regressa a Macau para uma residência artística e exposição no Armazém do Boi. Amor, amizade, laços familiares e a vida dão a temática para a mostra. O fotógrafo mostra ao vivo a revelação de fotografias

OArmazém do Boi abre as portas à sequela de “Amor das Vidas Diárias’, uma colecção de reflexão do fotógrafo de Hong Kong Chan Wai Kwong. Sobre si próprio, a vida e o amor, “Tempos do Amor” é a nova exposição do artista e vai estar em exibição no espaço a partir de 16 de Abril.
“Narrativas simples revelando a solidão de um adulto, o cinismo, a sexualidade, bem como os laços familiares, o amor, a amizade e o narcisismo.” São cerca de 300 as fotos a preto-e-branco, reveladas manualmente, expostas de cima para baixo e da esquerda para a direita de forma a criar um impacto visual sobre estes temas. 193-000040370003
Chan Wai Kwong nasceu em Hong Kong em 1976 e deixou a escola em tenra idade, começando a publicar seus trabalhos em 2010. Até à data, Chan auto-publicou quinze livros de fotografia e, em 2016, a Galeria Zen Foto (Tóquio) publicou ‘Yaumetei’ e curou uma exposição individual do fotógrafo sob o mesmo título.

Revelação ao momento

Durante a exposição, o artista vai transformar a casa-de-banho do Armazém do Boi numa câmara escura, onde irá revelar as imagens nos dia 23 e 30 Abril, bem como a 7, 14, e 21 Maio das 15h00 às 18h00. Os interessados vão poder juntar-se a ele no processo. Além disso, o artista irá seleccionar um dos participantes para tomar conta do equipamento de revelação, que será oferecido ao participante seleccionado após a conclusão deste programa de artista-em-residência. 569-55860016 2
A exposição insere-se num programa de residência artística promovido pelo Armazém do Boi e a inauguração acontecerá no próximo dia 16 de Abril pelas 16h00. Estará depois patente ao público até ao dia 22 Maio. A entrada é livre.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here