PARTILHAR

O número de imóveis transaccionados em Macau no segundo trimestre do ano aumentou 63,7% em número e 78,5% em valor face aos primeiros três meses do ano, mas em termos homólogos os números continuam no vermelho. Dados revelados pelos Serviços de Estatística e Censos (DSEC) revelam uma subida das vendas e dos valores quanto ao primeiro trimestre deste ano, mas as 3.083 fracções vendidas por 18.028 milhões de patacas reflectem uma quebra, em termos homólogos, de 25,85% e 37,76%, respectivamente.
Numa análise mais detalhada percebe-se que as 1.864 fracções habitacionais vendidas, ao preço global de 11.742 milhões de patacas traduzem, face ao segundo trimestre do ano passado, uma quebra de, respectivamente, 24,28% e 33,35%.
Já os parques de estacionamento transaccionados entre Abril e Junho totalizaram 865 por um preço de 1.576 milhões de patacas, ou menos 20,5% em número e menos 4,77% em valor quando comparado com o mesmo trimestre de 2014.
Numa análise semestral, em 2015 foram transaccionadas 4.966 fracções por um valor de 28.126 milhões de patacas, menos 37,95% em número e menos 45,37% em valor do que entre Janeiro e Junho de 2014.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here