PARTILHAR

Sónia Chan e Rimsky Yuen Kwok-keung encontraram-se em Macau na semana passada, numa reunião que terá servido para conversações sobre o acordo de entrega de prisioneiros em fuga entre as duas regiões. A reunião aconteceu 48 horas depois de Keith Yeung Kar-hung, procurador da região vizinha, ter anunciado que em menos de três meses vai saber-se se o anterior Chefe do Executivo da RAEHK, Donald Tsang, será acusado de alegados crimes que podem ter acontecido em Macau.
Não foi emitido nenhum comunicado oficial sobre o encontro, mas de acordo com o jornal de Hong Kong South China Morning Post – que cita fontes próximas do processo – os dois homólogos discutiram eventuais progressos no trabalho de celebração de um acordo de cooperação judiciária entre as duas regiões.
“A reunião não significa necessariamente que [a assinatura] de um acordo esteja iminente, mas poderá demonstrar progressos”, cita o jornal, que indica ainda que os assessores do Secretário da RAEHK revelaram que os dois responsáveis se encontraram para “discutir matérias de interesse mútuo”.
Em Julho, recorde-se, o responsável de Hong Kong disse que as negociações tinham chegado a uma fase madura, acrescentando que as duas regiões “estavam a rever e ultimar” a redacção do documento. Yuen, lembra o South China, também disse que o acordo estipula “como é que os casos passados devem ser tratados”. Fonte próxima do jornal disse que o acordo poderia ter retroactividade.
Joseph Lau e Steven Lo, recorde-se, foram dois condenados que não estão a cumprir pena precisamente devido à falta de um acordo entre as duas regiões. Os empresários de Hong Kong foram considerados culpados de corrupção em Macau, no âmbito do caso La Scala, onde esteve envolvido o ex-Secretário Ao Man Long, condenado a 29 anos e meio de cadeia.
Quanto a Donald Tsang, fruto de uma investigação de três anos, sabe-se daqui a menos de três meses se vai ou não ser acusado de crimes que também estarão relacionados com corrupção.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here