PARTILHAR
In this Thursday, Oct. 17, 2013, British Chancellor of the Exchequer George Osborne, left, chats with Taishan Nuclear Power Joint Venture Co. Ltd. General Manager Guo Liming as he inspects a nuclear reactor under construction at a nuclear power plant in Taishan, southeastern China's Guangdong province. (AP Photo/Bobby Yip, Pool)

D uas centrais nucleares estão na trajectória projectada do tufão Mangkhut, que levou as autoridades de Macau a emitirem o sinal 10 de tempestade tropical, ou seja, o máximo.

A central Nuclear de Taishan e a Central Nuclear de Yangjiang, ambas na província de Guangdong, informaram estarem preparadas para enfrentar o tufão, noticiou hoje o South China Morning Post (SCMP).

A central de Taishan informou via WeChat que as autoridades discutiram a melhor forma de lidar com a tempestade que se aproximava e que trabalhadores especializados conduziram investigações de segurança.

Equipas de resposta a emergências foram informadas e preparadas para a chegada do tufão.

“Todo o pessoal de emergência está nos seus postos e conduziu seus trabalhos preparatórios. A fábrica de Taishan está totalmente preparada para o tufão e tudo está em seu lugar “, pode ler-se na mensagem.

A Central Nuclear de Yangjiang informou que realizou inspeções nas suas unidades na manhã de quarta-feira e realizou uma reunião na quinta-feira para discutir a melhor forma de lidar com a tempestade. Na última conferência de imprensa, as autoridades de Macau disseram ter criado um mecanismo de troca de informações sobre a situação nas centrais com as autoridades de Guangdong.

O tufão causou 25 mortos nas Filipinas e um em Taiwan, de acordo com o mais recente balanço das autoridades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here