PARTILHAR
DR

O gigante tecnológico chinês Baidu anunciou ontem que começou a produção em massa do primeiro autocarro totalmente autónomo e em operação comercial da China. Equipado com o Apollo 3.0, a mais recente versão da plataforma aberta do Baidu para condução autónoma, o Apolong vai circular na China e no exterior, disse o presidente e CEO Robin Li no Baidu Create 2018, a conferência anual da companhia para pesquisa de inteligência artificial (IA).

O veículo tem capacidade para fazer manobras sem motorista O autocarro será inicialmente usado em situações de last-mile (última etapa do transporte) em lugares turísticos, aeroportos e outras áreas fechadas.

O Apolong é desenvolvido em parceria com a fabricante de autocarros chinesa King Long e começará a operação comercial em diversas cidades como Pequim, Shenzhen, Xiongan, Wuhan e Pingtan. A produção dos veículos atingiu as 100 unidades na fábrica em Xiamen, na província de Fujian, segundo Li.

“Este ano marca o primeiro ano da comercialização para a condução autónoma. A partir da produção em massa do Apolong, podemos ver verdadeiramente que a condução autónoma está a dar grandes passos, levando a indústria de zero a um (de algo totalmente novo a um crescimento intensivo)”, disse Li.

O Baidu também está também atento aos mercados do exterior. A companhia fez uma parceria com a King Long e SB Drive, subsidiária em condução autónoma da japonesa SoftBank, para levar o Apolong para cidades nipónicas como Tóquio no início de 2019.

A gigante tecnológica também apresentou o Kunlun, o primeiro chip chinês de IA em nuvem, projectado para acomodar requisitos de alto desempenho de uma ampla variedade de cenários da IA, como centros de dados, nuvens públicas e veículos autónomos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here