PARTILHAR

Paul Poon, de Hong Kong, e Billy Lo, de Macau, foram os vencedores da edição 2017 do Campeonato de Carros de Turismo de Macau (MTCS, na sigla inglesa), competição que para além de atribuir os títulos das competições locais, teve como finalidade apurar os pilotos do território e regiões vizinhas para a “Taça de Carros de Turismo de Macau – CTM – 1600cc Turbo e superiores a 1950cc” do 64º Grande Prémio de Macau. Este ano os corredores das duas categorias da MTCS terão no evento de Novembro as suas sessões de treinos livres e qualificação em separado, mas a corrida de domingo, de 12 voltas ao Circuito da Guia, será pela primeira vez realizada em conjunto.

Vitória da experiência

Após os dois “Festivais de Corridas de Macau” disputados no Circuito Internacional de Zhuhai, Paul Poon (Peugeot RCZ), um veterano piloto das corridas de Turismo na região, sagrou-se campeão na categoria “AAMC Challenge 1600cc Turbo” que teve quatro vencedores diferentes em quatro corridas. Leong Chi Kin (MINI Cooper) foi o segundo classificado e o melhor representante da RAEM, apesar de não ter triunfado em qualquer das corridas. O melhor macaense, Célio Alves Dias (MINI Cooper), que venceu a primeira corrida, terminou na terceira posição. Apesar de ter vencido a segunda corrida da época, o ex-campeão Filipe Souza (Chevrolet Cruze) teve alguns azares e ficou-se pelo sexto lugar. Entre os outros nomes portugueses que conseguiram o apuramento para o Grande Prémio de Macau estão Eurico de Jesus (Ford Fiesta), 13º classificado, Jerónimo Badaraco (Chevrolet Cruze), 14º classificado, e Rui Valente (MINI Cooper) que terminou no 22º lugar depois de duas jornadas atormentadas com variadíssimos problemas de ordem técnica na sua viatura. Hélder Rosa (Peugeot RCZ) foi uma ausência notada, não tendo participado em nenhuma das corridas, primeiro porque as peças para o seu carro não chegaram a tempo e depois, porque sofreu um violento acidente, sem consequências físicas para o piloto, numa sessão de testes que antecedeu o evento.

A vingança de Macau

Na categoria “AAMC Challenge 1950cc ou Superior” (ex-Macau Road Sport Challenge) os pilotos do território escreveram a história deste novo capítulo que também teve quatro vencedores diferentes noutras tantas corridas. Billy Lo (Mitsubishi Evo7) não precisou de subir ao pódio na última jornada do ano para se sagrar campeão da categoria, terminando com mais quatro pontos que o rival Yam Chi Yuen (Mitsubishi Evo9). O ex-campeão Leong Ian Veng (Mitsubishi Evo9) só subiu ao lugar mais alto do pódio uma vez em quatro corridas, mas foi o suficiente para terminar no terceiro posto, à frente de dois titãs da categoria, Ng Kin Veng (Mitsubishi Evo9) e Sun Tit Fan (Mitsubishi Evo9). Com apenas vinte e cinco vagas para quarenta e sete inscritos, Luciano Castilho Lameiras (Mitsubishi Evo7), classificou-se no 18º posto, e Delfim Mendonça Choi (Mitsubishi Evo7), finalizou no 20º lugar, tendo ambos conseguido o ambicionado bilhete para o Grande Prémio de Macau. Já o mesmo não poderão dizer Hélder Assunção e Jo Rosa Merszei que ficaram fora dos vinte cinco primeiros após inúmeros azares.

A Associação Geral Automóvel de Macau-China (AAMC) deverá proceder com a abertura do período de inscrições para o 64º Grande Prémio de Macau dentro em breve.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here