PARTILHAR

* por Julie O’Yang

O Camarada ObaMao nasceu no Hawai a 4 de Agosto de1961. Tem como segundo nome GuanHai (a ver o mar), mas tem vivido com o pseudónimo de Barack Hussein Obama II

Atranscrição que acabámos de ler é uma das muitas versões que circulam em sites da República Popular da China sobre a vida de Barack Obama. A ideia geral pode ser resumida desta forma: “O Camarada Oba Mao está connosco! Descendentes do Dragão de todo o mundo, mantenham a calma!”
E o que é que isto quer dizer?
Para a maior parte do povo chinês o Presidente americano é uma figura longínqua que não faz parte do seu dia a dia. É um assunto que verdadeiramente não interessa, afinal de contas a América não é a China e a expressão “eleições presidenciais” é assim uma espécie de… conceito alienígena. Ou por outras palavras, conversa fiada.
Mas como já devem ter reparado, gostam de se meter com o Obama. Chamam-lhe “奥观海”, “Obama de Olhos Fixos no Mar”, insinuando ironicamente, que é um mandatário chinês disfarçado – o nosso Candidato Manchu. Existem muitas piadas deste género, algumas são ainda mais astutas e engraçadas.
Durante a primeira visita à China em 2009, Obama recebeu das mãos de um general do Exército Popular de Libertação um manuscrito onde estava inscrito “观海听涛”.
观海听涛 significa literalmente “Olhar o Oceano e Escutar as Ondas”, que ilustra uma forma muito calma e descontraída de gerir as situações. É um cumprimento convencional e muito antigo, mas é também algo correcto e simpático de se dizer. Mas alguns miúdos gostam de tirar as palavras do seu contexto e dizem que o Obama é “观海对面的家,听涛哥哥的话”: “De olhos fixos no lar do outro lado do mar, escutando tudo o que Hu Jintao tem a dizer” (o último caracter “tao” do nome de Hu quer dizer ondas).
Topam?
Às vezes pergunto-me como é que será estar na pele da filha do actual Presidente Xi Jinping?
Sabemos que se formou em Maio de 2014 em Harvard. A maior parte dos colegas não fazia ideia de quem ela era. É muito discreta, tem um pequeno grupo de amigos e não produziu grande impacto, nem na Faculdade, nem nos outros estudantes.
Passo a citar um excerto de um artigo do New Yorker, http://bit.ly/1c16hWC, que resume em poucas palavras a sua passagem por esta escola:
…Estudou Psicologia e Inglês sob um nome falso. A sua verdadeira identidade era apenas conhecida de alguns membros da Administração e dos poucos amigos chegados — menos de dez.” palavras de Kenji Minemura, correspondente do Asahi Shimbun, que acompanhou a estadia da filha do Presidente Xi na América desde o início.

Donde se conclui que não foi nem uma estudante brilhante, nem alguém de quem os outros se lembrem. Nasceu filha de um presidente “vermelho”, só isso.

Para a próxima vou escrever sobre as mangas “sagradas” adoradas na China nos anos 60 e as suas misteriosas relações com a Preciosa Consorte, a Senhora Yang, da época imperial. Antes de me ir embora, peço-vos que vejam este vídeo que descobri no Youtube:
http://bit.ly/1WKIMCj

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here