PARTILHAR

Mais de 60 entidades de Macau empregam pessoas com deficiência e recebem hoje, por isso, prémios da Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) e do Instituto de Acção Social (IAS). Esta é a sexta vez que há premiados e, este ano, no total, foram 69 as entidades contempladas. Num comunicado à imprensa, a DSAL clarifica que as empregadoras fazem parte de várias áreas, nomeadamente hotelaria, segurança, gestão de propriedades, construção civil, limpeza, entretenimento e lazer, jogo, manufactura, restauração, educação, entre outros.
“As diversas entidades empregadoras proporcionaram diferentes tipos de postos de trabalho às pessoas portadoras de deficiência, dando-lhes oportunidades para participarem no mercado de emprego, de modo que estas se insiram na sociedade, tendo uma vida independente e desenvolvendo os seus talentos”, argumenta a DSAL.
Para além da atribuição de prémios aos empregadores, irão também ser mostrados filmes para partilhar as experiências dos empregadores de diferentes sectores que contratam as pessoas deficientes e decorrerão espectáculos das associações de instituições de reabilitação de Macau. Recorde-se que o Plano de Atribuição de Prémios às entidades empregadores de Pessoas Deficientes começou em 2005 e é realizado de dois em dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here