PARTILHAR

OInstituto Cultural (IC) deverá convidar peritos internacionais para a apreciação da proposta de classificação do Hotel Estoril como património, apresentada por mais de uma centena de cidadãos. Mas, até ao momento, como confirmou o organismo ao HM, ainda não foram endereçados os convites e o número de peritos poderá ser alterado.
“Temos peritos que vão chegar para ver se há realmente valor ou não. Depois de eles acabarem este trabalho, nós é que vamos tomar uma decisão”, afirmou o presidente do IC, Guilherme Ung Vai Meng, depois da cerimónia de tomada de posse dos novos dirigentes do Instituto de Acção Social (IAS), que aconteceu na passada segunda-feira.
O presidente chegou ainda a indicar que em causa está o convite a três peritos de “nível internacional”, explicando que o ano passado o IC já tentara fazê-lo mas sem sucesso. Ontem, ao HM, o IC explicou que não existe convite oficial, para já e que está em aberto a possibilidade de virem mais ou menos peritos a Macau. “Temos planos para convidar, mas ainda não convidámos”, confirmou o IC ao HM, frisando: “para já queremos três, mas podemos mudar, depende dos convites”.
Sem grandes certezas, permanece o mistério sobre o destino do Hotel Estoril. Uma vez mais, Alexis Tam, Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, indicou que a vontade do Governo é clara: construir um centro de actividades para jovens, um auto-silo e remodelar a piscina para que possa estar aberta todo o ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here